Demitido, segurança que impediu menino de comer em shopping é recusado por 3 empresas




O segurança que impediu um pobre menino de comer em um shopping em Salvador, foi demitido por justa causa sem direito a nada.

Em nota, o estabelecimento informou que a medida foi tomada após uma reunião, e que a conduta do segurança foi desnecessária e uma de discriminação de classe.

Como foi demitido por justa causa, o segurança não terá direito a nada, nem saldo de salário ou férias.

Segundo informações o rapaz falou com algumas empresas procurando emprego, mas foi recusado por todas, devido à carta de recomendação negativa emitida pela gerencia do shopping, e que isso pode prejudicar sua vida profissional.

Latest Comments

  1. Julião junho 17, 2018